Como alterar a versão PHP do meu Alojamento Web cPanel?

A PTServidor por forma a ir de encontro às necessidades dos seus clientes tem implementada uma funcionalidade no seu painel de controlo cPanel (disponível nos planos de Alojamento Linux cPanel) que lhe permite alterar a versão do PHP da sua conta para se adaptar aos requisitos dos scripts utilizados.

Com esta funcionalidade para além de oferecermos mais flexibilidades aos nossos clientes permite nos casos em que seja necessário a utilização de uma versão PHP antiga, a mesma seja utilizada em segurança visto que todas as versões PHP disponíveis (desde a versão 4.4 à 7.X), incluindo as mais antigas, têm todas as vulnerabilidades de segurança corrigidas pela equipa do CloudLinux.

Continuar a ler “Como alterar a versão PHP do meu Alojamento Web cPanel?”

A nossa visão: O futuro do seu Alojamento!

Quem nos vem seguindo pela nossa página do Facebook, reparou certamente que temos vindo a publicar uma série de fotos referentes ao nosso novo sistema de alojamento.

A Time Line:

Desde o início do presente ano que ficara decidido no plano estratégico da Sampling Line para a PTServidor® efectuar investimentos num novo conceito de alojamento Web utilizando as mais recentes tecnologias disponíveis no mercado e a ser implementado até ao fim do ano.

Em Abril, foi iniciado pelos nossos técnicos em conjunto com a equipa de desenvolvimento da Sampling Labs um estudo visando analisar as opções existentes e delinear linhas de orientação quanto a estas.

Fig. 1 – Esboço inicial da nova solução de alojamento

Em meados de Maio, iniciámos o contacto directo com algumas marcas e fornecedores obtendo cotações para as soluções estudadas.

Já em Julho, ficou decidido iniciar a aquisição do hardware para passar á segunda fase do projecto, e durante os meses de Agosto/ Setembro começámos a preparação das soluções.

A escolha recaiu sobre a marca Supermicro, tanto pela sua fiabilidade e escalabilidade tecnológica como pela sua robustez e suporte.

Desde finais de Setembro, toda a solução tem vindo a ser testada pelos nossos técnicos, levada aos limites através de testes, simulando o maior número possível de situações reais no quotidiano do alojamento Web, mais recentemente toda a equipa da PTServidor tem vindo a ser preparada através de várias acções de formação nesta nova solução de alojamento para que no momento da entrada em funcionamento, todos estejam aptos.

A Solução:

Actualmente a infra-estrutura de alojamento Web da PTServidor® está baseada em servidores individuais com uma capacidade de processamento que, muito embora seja elevada e exista um investimento constante no seu “refreshing” fica algo limitada “à caixa” em termos de escalabilidade.

Fig. 2– Infra-Estrutura actual da PTServidor

A nova solução, engloba servidores de processamento, também chamados de hypervisors a que atribuímos uma elevada capacidade de memória RAM e processamento de dados, e servidores de armazenamento central também chamados de SAN, com diversos volumes de discos em RAID10 (para protecção extra dos dados), com SSD’s para cache adicional e baterias para protecção de dados em caso extremos de falha energética.

Com utilização de servidores de processamento e de dados é-nos possível escalar a solução a qualquer momento e em caso de necessidade futura.

A solução permite-nos também aumentar a densidade de processamento/armazenamento poupando energia e espaço em datacenter com a consequente utilização de um menor número de servidores

Permite-nos também no caso de um servidor falhar, todos os serviços presentes nesse servidor serem automaticamente comutados para outro servidor sem downtime associado aumentando assim a disponibilidade e fiabilidade da solução.

Este tipo de arquitectura permite ainda em caso de necessidade futura, espalhar geograficamente os servidores de forma a criar uma solução de alta disponibilidade.

O Hardware:

Osiris e Anubis – Armazenamento Central (SAN)

De raiz a solução é constituída por duas unidades de armazenamento central (Osiris e Anubis) casa uma composta por 10 discos SAS de 15k rpm com um disco em Hot-Spare (que substitui um disco de forma automática em caso de falha) e um disco SSD Intel de alto desempenho para cache adicional de forma a acelerar a leitura/escrita de dados permitindo uma redução de latência no acesso aos dados e de leitura/escrita de até 11 vezes.

Estas duas unidades de armazenamento central encontram-se configuradas em modo activo-activo para no caso de uma das unidades falhar a outra, que contem exactamente os mesmos dados seja activada de forma imediata e sem qualquer tipo de downtime.

Fig. 3 – As SAN’s Osiris e Anubis

Apophis – Hypervisors I e II

O servidor Hypervisor Apophis concentra todo o processamento inicial desta solução destacando-se por conter em apenas 1U dois servidores (nodes) permitindo assim ter uma solução totalmente redundante com alta densidade e baixos consumos energéticos.

O Apophis é composto por 24 cores de processamento por node (utilizando processadores Intel Xeon), 96Gb RAM DDR3 ECC REG e 2 discos SSD Intel em RAID1 (utilizados apenas para arranque do sistema) sendo cada node ligado as SAN Osiris e Anubis por uma ligação de alta velocidade (a falar mais a frente).

Fig. 4 – Apophis – Hypervisors I e II

Numa segunda parte iremos publicar mais detalhes sobre a solução utilizada a nível de rede pela nossa solução, que permite débitos até 56Gbps (se necessário) e que até agora nunca foi utilizada por empresas de alojamento Nacional, sendo a PTServidor pioneira na utilização desta tecnologia em Portugal.
Falamos de Infiniband uma alternativa avançada e muito superior à tradicional rede 10GbE em fibra utilizada por algumas empresas em Portugal.

A solução agora apresentada será colocada em datacenter em breve, a migração dos nossos actuais clientes para este novo conceito de alojamento irá ocorrer de uma forma faseada e totalmente transparente.
Será enviado um email informativo a cada cliente no momento em que cada conta estiver a ser migrada.

Rui Cruz entrevistou a PTServidor

A nossa empresa teve o prazer de ter sido recentemente entrevistada por Rui Cruz, um famoso blogger Nacional, nessa entrevista foi abordada alguma temática acerca da nossa empresa e equipa bem como do Mercado de Alojamento Web em Portugal.

Leia de seguida um excerto da entrevista:

Não estamos a falar de uma empresa com um ano de existência. Estamos a falar de uma das mais notáveis empresas de alojamento em Portugal e que comemora neste mês de Junho 5 anos de história. Esta é a entrevista com a PTServidor.

Rui: Para quem não conhece ou ainda não sabe bem o que é, como nasceu e cresceu a PTServidor até ao que é hoje?

PTServidor: A PTServidor® nasceu em Junho de 2006 visando colmatar lacunas existentes no mercado web.

Tendo iniciado os seus serviços como ENI desde cedo foi construindo uma evolução positiva e sustentada, sempre vocacionada para o cliente.

Sempre em constante inovação, em 2009 a PTServidor® obteve o estatuto de Marca Nacional Registada.

Desde 2010 somos uma entidade registrar oficial da Fundação para a Computação Científica Nacional (FCCN) facto esse que nos permite oferecer registo de domínios nas hierarquias .PT em condições bastante competitivas e que nos permitiu integrar em cerca de 9 meses o TOP 30 das entidades registrars com cerca de 400 domínios sob nossa gestão.

Poderá ler a entrevista na integra em RuiCruz.pt

Alojamento CloudLinux

CloudLinuxA PTServidor apresentou na passada semana uma novidade na sua estrutura de Alojamento Partilhado Linux, fique agora a saber tudo sobre o CloudLinux!

O que é?

O CloudLinux é uma distribuição comercial de Linux baseada em centOS (RHEL) sendo a primeira distribuição do mundo desenhada especificamente para o mercado do webhosting aumentando assim a estabilidade, a densidade e velocidade dos serviços, aumentando assim a qualidade dos mesmos diminuindo em mais de 90% o tempo de indisponibilidade. Continuar a ler “Alojamento CloudLinux”